Como incentivar a boa convivência em condomínios?

Como incentivar a boa convivência em condomínios?

Se, mesmo entre pessoas da mesma família, o convívio pode ser difícil e, para que haja harmonia, é necessário estabelecer regras, imagine em um edifício? A convivência em condomínios, por envolver pessoas diferentes e com temperamentos distintos, precisa de diretrizes para ocorrer de forma saudável.

E o papel do síndico, nesses casos, é muito importante. Ele é a pessoa de referência para os demais moradores, e deve atuar como mediador de conflitos, prezando sempre pelo bom senso e pelo respeito às cláusulas estabelecidas na convenção vigente.

Quer saber como incentivar a boa convivência no seu condomínio? Confira a lista que preparamos!

Tenha regras bem definidas

As regras de convivência precisam ser claras e objetivas, para que não haja risco de dupla interpretação. É muito importante manter normas relativas ao barulho, por exemplo.

Em casa, as pessoas desejam descansar e brigas por motivo de som alto ou festas que perduram por toda a madrugada podem ser evitadas com regras.  Além disso, a Lei do Silêncio estabelece limites e prevê multa em caso de descumprimento.

Também é necessário definir questões relativas a animais de estimação. Em geral, cães devem ser levados no colo pelos donos nos elevadores e áreas comuns do condomínio mas, em caso de animais maiores, o dono precisa saber que é responsável pela limpeza de eventuais xixis, por exemplo. Também é indicado que os animais sejam adestrados, para que não ocorra nenhuma situação de perigo.

Disponibilize o regulamento interno nas áreas comuns

O regulamento interno do condomínio deve estar disponível para que todos os moradores e visitantes possam conhecê-lo ou consultá-lo sempre que necessário. É indicado mantê-lo em locais de fácil visibilidade, como porta de entrada da academia, ao lado da churrasqueira, na área da piscina, próximo ao elevador ou do local onde ficam armazenadas as correspondências.

Como as áreas comuns do prédio muitas vezes são utilizadas por visitas, e as regras de convivência em condomínios podem variar, o síndico deve garantir que todas as pessoas que frequentam o local tenham acesso ao regulamento. Dessa forma, evita eventuais problemas envolvendo convidados, situação muito chata para o morador.

Incentive o diálogo entre os condôminos

É muito importante que o síndico incentive o diálogo entre os condôminos. Quando surgir um impasse ou problema, a conversa é sempre a melhor saída. Caso os moradores tenham um bom relacionamento entre si, eles podem conversar e entender-se sem que haja necessidade de envolvimento da administração.

Incentivando a conversa e o respeito às regras de convivência estabelecidas, o síndico desempenha um papel fundamental encorajando os vizinhos a manterem um bom relacionamento e evita desgastes desnecessários.

Trate bem os funcionários e vizinhos

O síndico é a pessoa de referência no condomínio. Por isso, ele deve ser sempre cordial com todos, afinal,  a forma como age é vista como exemplo pelos demais moradores. Um síndico grosseiro, mal humorado ou desrespeitoso, acaba estimulando esse tipo de comportamento entre os demais habitantes do edifício, gerando insatisfação e perdendo autoridade.

Ser educado e respeitoso, seguir as diretrizes estabelecidas na convenção, ser solícito e disposto a ouvir os problemas dos vizinhos e tentar resolvê-los sempre com bom senso e parcimônia é muito importante. O papel do síndico vai além das funções administrativas. Ele precisa zelar pela harmonia no prédio.

Mesmo quando as regras são bem definidas, a boa convivência em condomínios pode ser afetada. Às vezes, moradores descumprem as normas. Nesses momentos, o síndico deve manter a calma e tentar solucionar os impasses sempre buscando o diálogo. Não existe nada pior do que clima ruim no elevador, não é mesmo? A conversa e o respeito às regras são seus melhores aliados na hora de resolver problemas.

Quer receber mais dicas para ter uma gestão saudável como síndico do seu condomínio? Siga nossos perfis nas redes sociais e receba informações de qualidade. Estamos no Facebook, no Twitter e no Instagram!